16th June 2005 Noodles

Pois que nestes últimos dias tenho escrito vários posts, ou talvez, postas de bacalhau (pescada para quem preferir) por dia. É verdade, tenho andado com uma certa inspiração, acompanhada de um desejo de escrever. Por vezes escrevo textos em tom de divagação ou dissertação, outras vezes escrevo pequenas frases; algumas das vezes os textos ou frases não têm grande nexo ou poderão ser completamente loucos, mas eu sou louco. Sim, é um facto, tenho uma “granda” panca e gosto imenso de a ter; é uma faceta divertida. Dá-me um gozo extremo ver o pessoal à minha volta pensar que eu…

15th June 2005 Noodles

Sinto a necessidade de escrever e não sei porquê! É uma necessidade que tenho de despejar aquilo que se passa na minha mente; mas não tudo, há muitas ideias, pensamentos e sentimentos que quero e mantenho privados. Desde pequeno que sempre senti um desejo ou, provavelmente, uma atracção pela escrita. Muitas vezes escrevi enquanto escrevia, no entanto raramente escrevia; só comecei a escrever regularmente no dia vinte e três de Agosto de dois mil e três (escrevo por extenso por pancada mesmo). Nesta data fiz um registo no blogger e comecei a escrever o meu primeiro blog, chamava-se “Inteiramente Eu”…

13th June 2005 Noodles

com um cansaço monstro. Mas isso não me impede de escrever meia dúzia de linhas. Arrasto as minhas mãos pelo teclado, os meus olhos fecham e abrem lentamente; não posso parar; porque se eu paro adormeço aqui, de certeza. Estou com sono, extremamente disléxico, escrever isto está a provar ser uma tarefa deveras difícil. Troco constantemente as letras, e em consequência tenho que apagar e reescrever imensas vezes. Não me aguento em pé, tenho que ir beber um café. (Ena, até rimou)

12th June 2005 Noodles

Domingo, 12.06.2005. Já escrevi sobre isto em tempos. No meu primeiro blog escrevi um texto intitulado “como dissecar o meu cérebro”, onde tentei analizar a minha maneira de pensar, os meus padrões de pensamento e o meu raciocínio lógico. Tentarei fazê-lo novamente. O meu cérebro, com todas as suas ligações neurológicas, é capaz de um raciocínio extremamente rápido, que por vezes, não faz muito sentido para os outros. Não o faz devido à rapidez com que eu traço uma linha de pensamento, e também por causa da facilidade com que eu altero essa linha. Ou seja, uma linha de pensamento…

5th June 2005 Noodles

Ultimamente ando a dedicar-me à pintura, sendo que é uma arte extremamente relaxante. Nunca tive muito jeito para desenho ou para artes plásticas, mas como me deu na telha, resolvi experimentar. Comecei por pintar um simples suporte para velas em vidro, de seguida pintei duas chávenas de café e agora acabei de pintar uma saladeira. Enquanto espero que a tinta seque estou a escrever isto; assim que acabar de escrever ainda vou pintar outras coisas. Estou com a minha veia artística no seu auge, portanto tenho que aproveitar. Acho que já secou, vou voltar às minhas pinturas.

31st May 2005 Noodles

é uma coisa tão mesquinha, tão pequena! Apesar de às vezes sentir o desejo de me vingar, detesto vinganças, não servem qualquer objectivo bom, só conseguem trazer mal e sofrimento. Trazem sofrimento a quem a pratica e a quem é alvo delas. O que é que leva as pessoas a esperarem pacientemente, guardarem religiosamente tudo e mais alguma coisa para um dia, mais tarde, atirarem com tudo o que têm para cima de outra pessoa? É aquela coisa da vingança se servir fria? Credo… Get a life! Que raio de necessidade é essa de alguém estar sempre a ver se…

31st May 2005 Noodles

os tigres também mudam a pele. E eu a pensar que só ia ter uma mudança de pêlo sazonal!

27th May 2005 Noodles

É incrível como tão pouco tempo pode parecer tanto. Apesar de já andar no Blogger desde Agosto de 2003, este blog em concreto existe há apenas um mês e dez dias; é o meu quarto blog sem contar com a minha participação num outro blog. Este blog simbolizou um recomeço do zero, um parar de tudo, resolver coisas antigas e começar de novo. Desde 2003, cresci, evoluí, amadureci; neste último ano então, dei um senhor pulo na minha evolução mental. Resolvi conflitos do passado, comecei a ter novas atitudes e principalmente ganhei uma nova maneira de olhar para o futuro….

25th May 2005 Noodles

Como em todos os processos de comunicação, a linguagem é um processo que utiliza palavras, de forma oral ou escrita, para descrever objectos, situações, sentimentos entre outras coisas. Mas, tal como a maioria dos processos, a lingua falada ou escrita é extremamente limitativa na descrição que faz das coisas. As palavras que encontramos ou que criamos para descrever as coisas descrevem conforme a experiência das pessoas.Actualmente ninguém pensa na origem das palavras, ninguém se preocupa em perguntar porque é que mesa é a palavra que usamos para descrever uma mesa. O mesmo se aplica a palavras que servem para descrever…

17th May 2005 Noodles

Após quatro horas de trabalho seguidas, consegui finalmente ir ao átrio beber um café e fazer uma pausa. Com o café em cima da mesa, puxo calmamente da minha onça de tabaco e começo a encher o cachimbo, calcando suavemente enquanto absorvo o aroma adocicado. Já não fumava cachimbo há algum tempo, talvez meses passaram sem que eu tocasse nele; pois hoje apeteceu-me. Sentir o sabor é uma experiência boa, agradável; uma mistura de doce quente com um amargo suave. Estou sentado numa cadeira futurista que se assemelha a tudo menos a uma cadeira normal, o que não faz com…