17th May 2019 Noodles

Há momentos em que não apetece viver. Não há qualquer desejo de acabar com a vida, no entanto a vontade de estar vivo também não é muita. Como é que se fala nisto a alguém? Normalmente a primeira reacção é sempre uma de preocupação extrema. Surgem logo sugestões, opiniões todas elas por preocupação, mas não deixando de ser desnecessárias. Há pouco tempo li um artigo sobre isto, alguém com conhecimento de causa. Fez-me todo o sentido. Falei sobre isto, este sentir. É natural, não estamos sempre maravilhosamente felizes.

16th May 2019 Noodles

A música para mim é de extrema importância. A música é algo que me faz sentir vivo, mais ainda, que me faz sentir. Sou banhado por todo o tipo de emoções e sentimentos quando ouço determinadas músicas. Fecho os olhos e consigo visualizar imagens em movimento, um corpo a bailar ao som da música ou simplesmente a natureza em movimento, uma planta ao sabor do vento, uma borboleta ou um pássaro cada um com o seu ritmo próprio. Consigo (creio eu) transmitir os meus sentimentos através da música, tal como um escritor o faz pela escrita ou um pintor nas…

13th May 2019 Noodles

Era uma vez um problemazito… Era pequenito, no entanto o seu tamanho não era nada proporcional à sua complexidade. Era um daqueles problemazitos que não se resolviam assim sem mais nem menos. Belo dia apareceu uma grande solução. Na verdade até era enorme, mas isso não fazia com que resolvesse o problemazito. Afinal a solução era demasiado grande para o pequeno problema. Com esta diferença de tamanhos aquilo que resulta são duas coisas que, à primeira vista, deveriam ser complementares – uma solução para um problema – e na realidade não servem para nada. O problemazito ficou triste porque a…

8th May 2019 Noodles

Abro os olhos e espreito pela janela. Ao inicio parecia mais um dia de inverno, cinzento e chuvoso, mas estava longe disso. Estava um céu de um azul imaculado, sem um único tufo de algodão; o sol brilhava ainda baixinho no horizonte. Destapo-me e levanto-me lentamente para ir até à varanda espreitar o dia. Espreguiço-me e estico o corpo todo que nem um gato em toda a sua preguiça matinal. Ponho a água a aquecer para fazer um chá e enquanto espero vou escolhendo e preparando a roupa para vestir. Ponho uma música suave a tocar e entretanto a água…

7th May 2019 Noodles

Estava um dia cinzento, o vento soprava com uma certa fúria fazendo dobrar as árvores. A chuva caía na diagonal, em gotas pequenas mas em quantidade suficiente para encharcar qualquer um. É um daqueles dias que só dá vontade de ficar em casa em pijama a beber um chá enquanto vemos e ouvimos a chuva a cair lá fora, no entanto em vez disso ele preferiu saír para ir beber um chá ao seu refúgio à beira-mar. Vestiu roupa quente e apercebeu-se que não tem nenhuma gabardine ou nenhum casaco impermeável portando decidiu ir assim mesmo. Já no seu destino…

6th May 2019 Noodles

Um dia enquanto passeava pela floresta dei de caras com um Tigre. Era um ser lindo, imponente. O seu pelo laranja e branco com riscas pretas bem salientes, os seus olhos grandes observavam-me atentamente. Não senti qualquer medo. Muito pelo contrário, havia um sentimento de protecção, como se nada me pudesse fazer mal. O tigre deitou-se confortável à sombra de uma árvore e como se a convidar-me arranjou um espaço para me encostar a ele. Aproximei-me devagar e com tranquilidade enquanto ele seguia todos os meus movimentos com o olhar. Abaixei-me e fiz umas festas na sua barriga. Imediatamente começou…

4th May 2019 Noodles

A regularidade com que tenho escrito tem estado bastante errática. A minha criatividade tem andado aos altos e baixos. Não me queixo, estou apenas a constatar factos. Ultimamente tenho-me sentido um pouco mais em baixo do que em cima e está tudo bem. Estou apenas a sentir, deixa-me estar e aceito. Sei que este sentir não dura para sempre.

28th April 2019 Noodles

Há sentimentos que voltam ou, se calhar, nunca foram embora e simplesmente estiveram adormecidos durante algum tempo. Um amor, um carinho, uma amizade, algo tão profundo e que não dá para descrever com precisão. Entro novamente num processo de tentar fazer alguém sorrir. Voltarei a cuidar pois isso faz parte da minha natureza; é algo que me faz sentir bem comigo próprio. No entanto algo está diferente em mim… Cuidarei de mim primeiro e aí posso ter forças para cuidar de quem gosto. Serei como sou e nada mais, gosto de mim assim. E depois… Depois, logo se verá o…

25th April 2019 Noodles

Não posso dizer que me sinto triste… ou melhor… até posso, mas não seria verdade. Não estou triste e por outro lado também não estou alegre ou feliz. Estou, talvez, ligeiramente apático. Penso em tudo aquilo que já se passou na minha vida, toda a minha bagagem e fico por aqui. A apatia também não será a melhor descrição para o que sinto. Estou sossegado, tranquilo. Sinto uma certa melancolia misturada com um amor profundo pela vida e pelo meu ser. Este amor sempre cá esteve, no entanto foi escondido e abafado durante anos. Durante muito tempo pensei que não…

24th April 2019 Noodles

Não estaria a ser verdadeiro e honesto comigo próprio se dissesse que não tenho saudades, no entanto, apesar de tudo e com tudo gosto demasiado de mim para me permitir sentir algo mais do que estas saudades. Fica uma nostalgia do que foi e já não é. Tal como tenho saudades de outros tempos do meu passado que gostei imenso e que não os repetiria hoje. Brincas com os meus sentimentos, como um gato que brinca com o rato que acabou de apanhar. Talvez sem saberes que o estás a fazer, ou talvez por medo de expor os teus próprios…