2nd June 2020 Noodles

Quando o coiso está coiso, quer-me parecer que não há coiso que dê para coiso. Na verdade há mais um coiso, que não foi contabilizado aqui, mas que é igualmente coiso. Posto isto, chega-se à conclusão que há mais do que um coiso e talvez e apenas talvez existam mais coisos ainda. Todo este coiso é composto por uma multiplicidade de coisos que, no fundo, acabam por contribuir para mais coisos ainda, fazendo com que a complexidade do coiso aumente exponencialmente. Haverá então um número infinito de coiso? E assim vão as dúvidas coisas da existência dos coisos.

1st June 2020 Noodles

Estive a ler coisas que escrevi em 2003/2004. Em arrumações, encontrei blocos de notas antigos… Folhas de papel onde escrevi sobre tudo aquilo que sentia na altura, coisas que se passavam na minha vida. Voltei atrás no tempo e lembrei-me das coisas que sentia naquela altura. Já não sinto nada daquilo, ou melhor, se calhar até sinto coisas muito parecidas, no entanto tenho formas completamente diferentes de lidar com as coisas. Li um texto que escrevi pouco depois da meia-noite, no dia 1 de janeiro de 2004. Foi uma passagem de ano que passei sózinho, à beira-mar. Nessa altura trabalhava…

30th May 2020 Noodles

O que esperar quando estamos à espera do que não esperamos que chegue? Há sempre espera… Grande, pequena, média, assim-assim. Não sou fã de esperas e no entanto não me importo assim tanto de esperar. Passo o tempo a aceitar que há um compasso de espera com todas as suas vicissitudes. Isto de esperar quando não se espera nada tem muito que que lhe diga

26th May 2020 Noodles

Sempre gostei muito dos olhos femininos. Sempre olhei directamente para os olhos da pessoa com quem estou a falar. Agora, por causa da pandemia, as pessoas andam na rua de máscara e a cara fica quase completamente tapada deixando apenas os olhos “à vista”. Tenho visto olhos tão bonitos. Acho que há muita gente que não se apercebe da beleza que têm nos seus próprios olhos.

25th May 2020 Noodles

Time is something that always passes even when sometimes it looks like it’s not moving at all. Sometimes time goes slowly while other it goes faster, and it never ceases to go forward. Usually it is an absolute inversion of what we feel it should be. Time goes faster when we are enjoying ourselves and it moves ever so slowly when we are bored or even in some sort of pain. Why is this? Why do we feel anxious when waiting for something to happen?

22nd May 2020 Noodles

The other day I tried to write a poem. It didn’t go very well. I was trying very hard and it just wasn’t coming out. I then tried writing a simple story; nothing fancy, just some words put together on paper. And as the ink flowed from my pen, words became sentences and sentences started to makethe story. As fast as I began writing as fast I ran out of words. I was filled with emotions, feelings, thoughts and ideas but not words. I scratched everything and started to write about feelings. It started well, coherent stuff; clear and concise….

20th May 2020 Noodles

Foi-me dito que a minha voz é um dos meus pontos fortes. Que eu podia/devia ter seguido o caminho da psicologia ou do ensino. De facto eu creio que tenho jeito para ensinar e acho que até sou um bom contador de histórias. No entanto, isso implica exposição e eu não gosto muito de exposição. É uma dicotomia curiosa. E não sei bem como lidar com isto. Para que lado devo “pender”. Sigo a minha intuição, faço aquilo que me faz mais sentido. Vou saindo da minha zona de conforto sempre que posso e ao mesmo tempo não abuso desse…

18th May 2020 Noodles

Estava um dia quente mas encoberto. O sol apenas espreitava pelo meio das nuvens por breves momentos. A chuva ameaçava cair das nuvens cinzentas, mas não passava disso. Corria uma brisa muito ligeira que fazia com que o calor não fosse insuportável. As ruas estavam quase desertas, com apenas algumas pessoas a seguir com a sua vida. Umas para o trabalho, outras a passear ou a fazer exercício. Ao longe, no topo de uma falésia sobre um mar calmo, estava um ser solitário em contemplação meditativa. A sua mente preenchida com múltiplos pensamentos e sentimentos. No meio de todo este…

11th May 2020 Noodles

Está uma noite quase silenciosa. Ouço apenas a chuva a bater na janela. Ultimamente tenho estado numa fase muito introspectiva, no entanto desde ontem que me recolhi um pouco mais. Não sei bem o que sinto; talvez um pouco de tristeza ou possivelmente melancolia. No entanto não é nada de exagerado, estou até bastante tranquilo, não sinto qualquer ansiedade. Sinto aceitação. Aceito que há várias coisas que são quase inevitáveis e que não há muito que possa fazer para as contrariar. Recebo vários conselhos, opiniões e sugestões, muitos deles dados por mim próprio, e sou grato por tudo. Sei bem…

3rd May 2020 Noodles

E depois há dias assim. Dias em que tudo corre dentro de uma certa normalidade, algo de razoável mesmo; e de repente ao pôr os olhos em coisas antigas, há sentires velhos que voltam a surgir; memórias de sentimentos de há muito tempo atrás. Apercebo-me de coisas que se calhar não tinha consciência, importâncias que provavelmente não dou; Mágoas antigas, razões não compreendidas. Tudo está resolvido, lá atrás, já não incomoda, são apenas feridas cicatrizadas há muito. Sei exactamente onde estão, sinto-as, tal como as articulações que estalam com a mudança de temperatura. Tenho estado sossegado, com a minha criatividade…